As intervenções cirúrgicas espirituais

O pensamento do Espírito cria fluidicamente os objetos cirugicos

Nas sessões de curas, videntes observaram que os médicos desencarnados utilizam bisturis e pinças cirúrgicas, como se estivessem na Terra

A Doutrina Espírita nos informa que os fluidos espirituais sofrem as impressões dos pensamentos e que eles podem modificá-los segundo a vontade dos Espíritos. No entanto, o mundo invisível, embora esteja numa constante mutação, possui certa estabilidade e também é palpável como a matéria no mundo terreno.

Allan Kardec, em “A Gênese”, demonstra a ponderabilidade das regiões espirituais. Deixa claro que todos os objetos encontrados na Espiritualidade são produtos do pensamento de alguém que os criou, mas que, nem por isso, deixam de ser reais.

Sobre a grande oficina da vida espiritual, o Codificador assim se refere: – ”Os Espíritos agem sobre os fluidos espirituais, não que os manipulem como os homens manipulam os gases, mas com o auxílio do pensamento e da vontade. O pensamento e a vontade são para os Espíritos aquilo que a mão é para o homem. Pelo pensamento, eles imprimem a tais fluidos esta ou aquela direção; eles os aglomeram, os combinam ou os dispersam; formam com esses materiais, conjuntos que tenham uma aparência, uma forma, uma cor determinadas; mudam suas propriedades como um químico altera as propriedades dos gases ou de outros corpos, combinando-os segundo determinadas leis. É a grande oficina ou laboratório da vida espiritual” – ( A Gênese, capítulo XIV, item 14).

Espíritos desencarnados podem construir os instrumentos cirúrgicos?

O texto acima afirma que sim. Allan Kardec reforça no mesmo item: – “O pensamento do Espírito criafluidicamente os objetos dos quais tem o hábito de se servir; Esses objetos fluídicos são tão reais para o Espírito, o qual é fluídico também, como o eram no estado material para o homem vivente; porém, pela mesma razão de que são criados pelo pensamento, sua existência é também fugitiva como o pensamento”.

A vida dos Espíritos desencarnados só pode ter similaridade com a existência terrena, devido a esta propriedade que tem o pensamento de agir no universo fluídico, criando as formas de que a entidade se servia quando em vida.

Nas sessões de curas, videntes observaram que os médicos desencarnados utilizam bisturis e pinças cirúrgicas, como se estivessem na Terra, realizando intervenções cirúrgicas no perispírito sem cortes no corpo material, tendo em vista restabelecer a saúde física de pacientes enfermos.

No Grupo Espírita Bezerra de Menezes, na cidade de São José do Rio Preto, SP, foi observado o trabalho de uma equipe de Espíritos cirurgiões durante cinco anos, com auxílio de médiuns videntes.

Pelos resultados obtidos, ficou demonstrado que, sob o patrocínio da Misericórdia Divina, esses mensageiros celestiais prestam importante serviço no campo do alívio e cura das doenças físicas.

Fundamentando-se nessas observações e na argumentação doutrinária, pode-se afirmar com grande probabilidade de acerto, que as operações espirituais são perfeitamente possíveis.

Baseado no texto publicado no Núcleo Espírita Nosso Lar – http://www.nenossolar.com.br/

Anúncios

Sobre Roberto Barros

Publicitário

Grato pelo seu interesse no Bem Viver Apometria!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s